Bem vindo: contato@ift.org.br | (91) 3202-8300

Notícias

Projetos de manejo florestal na Resex Verde para Sempre recebem visita de parceiros

Representantes do Serviço Florestal Americano (USFS da sigla em inglês) e da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID da sigla em inglês), estiveram na Reserva Extrativista (Resex) Verde para Sempre, em Porto de Moz (PA), nos dias 13 e 14 de setembro. A visita da instituição ocorre no contexto da parceria estabelecida com as comunidades locais detentoras de Plano de Manejo Florestal. Por ti Meu Deus e Arimum foram as localidades que receberam a caravana composta, ainda, pelo Instituto Floresta Tropical (IFT), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Cooperativa Mista Nossa Senhora do Perpétuo Socorro do Rio Arimum (Coomnspra), Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB) e Comitê de Desenvolvimento Sustentável de Porto de Moz (CDS).

A caravana visitou as comunidades Por Ti Meu Deus e Arimum, em ambas os representantes das instituições foram a campo para atestar a qualidade do manejo que as comunidades estão desenvolvendo. Além disso, realizaram reuniões com os manejadores para monitorar o nível de engajamento deles com as atividades operacionais e organizacionais. É a partir desses dois vieses que será possível ampliar as áreas de manejo florestal e o uso dos recursos naturais oferecidos pelas florestas dentro da Resex.

“USAID e IFT enviaram especialistas em manejo cuja intenção foi verificar indicadores e verificadores que atestam as salvaguardas de proteção ambiental em atividades de manejo florestal, as quais puderam ser atestadas com a aplicação de Exploração de Impacto Reduzido e monitoramento pós intervenção florestal” conta Iran Paz Pires, secretário executivo do IFT.

Madeira resultante da atividade de manejo florestal comunitário.

Parceria

De acordo com ele, a USFS e USAID apoiam a cadeia da madeira no Amazonas e Pará. “Em março de 2017 a instituição passou a integrar a parceria construída para fomentar o manejo da madeira na Verde para Sempre por meio do custeio e logística de mão-de-obra técnica do IFT, além do apoio à governança local por meio de ações do IEB”, explica.

Embora o apoio da USFS e da USAID seja recente e focal, reforça Iran, o IFT vislumbra parcerias estruturantes com a instituição no território, tendo em vista os bons resultados obtidos pelo arranjo institucional construído para a Resex desde 2011. “Na época, com o apoio do Fundo Vale, atuamos junto ao Grupo de Ação e Reflexão Florestal e em sensibilização das comunidades. São ações que acenam para a construção de futuros arranjos para o apoio à cadeia da madeira e de outras cadeias potenciais na Resex, tais como o Açaí e a Castanha”, argumenta Iran.

Representantes de instituições parceiras visitam floresta manejada.

De acordo com Iran, para que seja possível desenvolver parcerias institucionais de apoio ao desenvolvimento do manejo florestal na região é preciso debruçar-se sobre os resultados obtidos com a exploração madeireira. “Temos que olhar para o modo como essa cadeia pode fomentar ou servir de ponte para outras cadeias e, também, estruturar novas comunidades que anseiam trabalhar o manejo florestal de uso múltiplo em suas respectivas áreas de florestas”, diz.

Deixar comentário