Bem vindo: contato@ift.org.br | (91) 3202-8300

Notícias

Caravana “Florestas Comunitárias” percorrerá três Resex no Marajó

O Grupo de Trabalho do Manejo Florestal Comunitário do Marajó (GT MFC do Marajó) realiza do dia 13 de novembro ao dia 12 de dezembro a Caravana Florestas Comunitárias, que percorrerá três Reservas Extrativistas localizadas na região do arquipélago do Marajó, no Pará. A atividade será o pontapé inicial das ações que serão desenvolvidas pelo Instituto Floresta Tropical (IFT) no âmbito de projeto apoiado pelo Fundo Amazônia. A primeira Unidade de Conservação (UC) a receber as instituições que compõem o grupo de trabalho será Mapuá, localizada em Breves, seguida respectivamente de Arióca Pruanã, em Oeiras do Pará, e Terra Grande-Pracuúba, cujo território está localizado nos municípios de São Sebastião da Boa Vista e Curralinho.

A caravana tem o objetivo de apresentar o projeto Florestas Comunitárias do IFT, sensibilizar os produtores agroextrativistas das regiões para o manejo florestal comunitário – com ênfase no empreendedorismo florestal comunitário fundamentado no cooperativismo -, resgatar junto com os moradores as ações do GT em cada território e construir com eles os próximos passos do projeto. “Entendemos que a melhor forma de garantir que o projeto alcance suas metas é construir com os moradores da região cada etapa e atividades”, defende Ana Carolina Vieira, coordenadora do programa Florestas Comunitárias do IFT.

Fundo Amazônia

Com o intuito de contribuir com o desenvolvimento local e potencializar a produção agroextrativista desenvolvida por essas comunidades, o IFT captou recursos junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), por meio do Fundo Amazônia, para atuar nas três Resex. O projeto tem o objetivo de apoiar a implementação de modelos de manejo florestal comunitário para uso e comercialização de madeira e açaí.

A iniciativa pretende fortalecer a organização social, gerar renda e contribuir para a redução do desmatamento nas Unidades de Conservação de Uso Sustentável. “Construímos o projeto com múltiplas mãos, tendo como principais parceiros os órgãos gestores dos territórios que são os agentes que estão próximos da realidade e compreendem a dinâmica local, além das próprias comunidades que demandam do IFT apoio e parcerias”, explica Ana Carolina Vieira, coordenadora do Programa Florestas Comunitárias do IFT.

As atividades do projeto serão desenvolvidas em três etapas: preparação para o manejo florestal comunitário; implementação do manejo florestal comunitário e a comunicação e divulgação dos resultados do projeto. “A cada etapa correspondem ações específicas, como a elaboração de regimento interno, criação e consolidação de cooperativas; capacitação em gestão administrativa e financeira e capacitação em manejo florestal, para citar algumas”, conta Iran Paz Pires, secretário executivo do IFT.

Fazem parte do GT, além do IFT, as seguintes instituições: Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Empresa Assistência Técnica e Extensão Rural do Pará (Emater-Pa), Instituto Federal de Educação Tecnológica do Pará (IFPA), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio).

Acompanhe abaixo a programação da Caravana Florestas Comunitárias?

Resex Mapúa
Data Comunidade
13/11 Lago do Jacaré
14/11 Santa Rita
15/11 Vila Amélia
16/11 Bom Jesus
17/11 Boa Esperança
Arióca Pruanã
Data Comunidade
23/11 Melancial
24/11 São Sebastião
25/11 São Raimundo
26/11 Vila Valério
27/11 Deus proverá
28/11 Palmeiras
Terra Grande-Pracuúba
Data Comunidade
06/12 Estância (Boa Vista)
07/12 Timboteua
08/12 Pirá – Humarizal
09/12 Mucutá
10/12 Mutuacá-3 Bocas
11/12 Portugal (Breves)
12/12 Reunião de Mapeamento Participativo em Curralinho

Deixar comentário